23 de novembro de 2011

No heart feelings

Começo por dizer-te que fui feliz, nesta nossa relação efémera e algo atribulada. Ao principio foste muito relutante em relação a nós e recusaste-me por diversas vezes. Dizias-me que estava a enganar-te. Tal não era verdade. Ironicamente só me aceitaste quando te enganei realmente. Tu assim o exigiste e eu queria explorar mais a nossa vida conjunta.

Dei-te o espaço necessário para que reflectisses e só muito tempo depois das primeiras investidas é que voltei à carga. Tivemos um mês em cheio e com alguns sucessos. Sem que nada o fizesse prever, despachas-me sem sequer ter a frontalidade suficiente, escondendo-te atrás de um e-mail na minha caixa pessoal. Acho mal. Mas também não te vou exigir qualquer outra explicação.

Vou até agir com algum fair-play , deixando-te aqui um vídeo com uma música da minha juventude. Um autêntico hino à despedida. Espero que tenhas pachorra para o ver até ao fim porque é longo.

Adeus Google AdSense!






Nota final: Estava a pensar comprar-te qualquer coisa para o Natal com os 4,67€ que amealhei ao longo da nossa relação. Paciência...

Sem comentários:

Enviar um comentário

A bem da nação, o teu comentário fica a aguardar moderação do Lápis Azul.