7 de fevereiro de 2012

Thank you, Mr Gallagher


Li algures na imprensa online uma citação do Oasis Noel Gallagher na qual dizia que André Villas Boas é o David Brent da primeira liga inglesa. Como não estava a chegar ao personagem e, por conseguinte, não estava a perceber o conteúdo desta mensagem fiz uma mini pesquisa acerca do tal David Brent. E fez-se luz!

Para quem gosta de comédia televisiva britânica por certo se recordará de uma série de 2001, com sequela no ano seguinte, chamada The Office. O protagonista, David Brent, é magistralmente assumido por Ricky Gervais (sim, o dos Globos de Ouro). Lembro-me de ver a série e do seu enredo, mas não lhe dei a devida atenção naquela altura.


Resumidamente, a história gira em torno de um director regional de uma sucursal de uma empresa que comercializa papel. David auto define-se como "A friend first, and a boss second, probably an entertainer third" (primeiro um amigo, depois um chefe e no fim, provavelmente um comediante). A filmagem e a acção, estilo documentário, marcam a originalidade da ideia do próprio Gervais, que co-escreve e realiza The Office. A ideia passou para os States e vai hoje em dia na 8 temporada a versão americana, protagonizada por Steve Carell, mas não chega sequer a fazer sombra à sua progenitora, digo eu.

Tudo isto para vos dizer que não ando tão virado para O do Manel, porque ando demasiado concentrado em reviver os primeiros passos de um então bem mais anafado Gervais no caminho do sucesso que entretanto foi amealhando.

E quanto à comparação com Villas Boas só o Gallagher pode explicar. Eu continuo a achar muito mais piada ao David Brent do que ao rapaz da cadeira de sonho.

Sem comentários:

Enviar um comentário

A bem da nação, o teu comentário fica a aguardar moderação do Lápis Azul.